Armazenamento na nuvem x armazenamento local: qual é o melhor?

LABSTAR

Nos últimos anos, a percepção pública do armazenamento na nuvem passou de “bom ter” para “obrigatório ter”, sendo visto como essencial para muitas empresas. Com a prevalência de aplicações baseadas em nuvem, planejamento de recuperação de desastres e armazenamento de dados, a cloud computing oferece novos caminhos para empresas que buscam melhorar a eficiência e a agilidade.

No entanto, em alguns casos, o mais recente nem sempre é melhor. Embora o armazenamento em nuvem ofereça benefícios, algumas empresas estão descobrindo que o uso de armazenamento local – ou uma combinação híbrida (usando armazenamento local e na nuvem) – pode ser uma solução mais eficaz.

Examinar os prós do armazenamento na nuvem versus armazenamento local é importante para identificar o que é certo para sua empresa. Neste artigo, vamos ajudar a fazer essa análise.

Armazenamento na nuvem: conceito

checklist-migracao-nuvem-1

O armazenamento na nuvem em uma empresa refere-se à prática de guardar dados, arquivos e aplicações em servidores remotos, fornecidos por empresas de serviços de nuvem.

Geralmente, as empresas geralmente usam o armazenamento na nuvem para backup de dados, guarda e compartilhamento de arquivos, hospedagem de aplicativos, e acesso de dados em tempo real.

Além disso, o armazenamento na nuvem pode ser escalável e personalizado para atender às necessidades específicas da empresa, permitindo que elas paguem apenas pelo espaço que precisam.

Armazenamento na nuvem: 4 vantagens

Existem algumas vantagens ao escolher o armazenamento em nuvem. Aqui estão algumas delas:

1- Acessibilidade e colaboração

Com o armazenamento em nuvem é possível acessar os dados de qualquer lugar, desde que se tenha uma conexão com a internet. A nuvem permite que várias pessoas trabalhem em um mesmo arquivo simultaneamente, tornando a colaboração mais fácil e eficiente.

2- Redução de custos

No modelo de armazenamento em nuvem não é necessário se preocupar com os custos de compra e manutenção de hardware. A empresa também não precisa pagar por sistemas de refrigeração para garantir que os servidores funcionem com eficiência, eletricidade para operar os servidores 24 horas por dia, 7 dias por semana. Você apenas paga uma taxa de assinatura mensal ou anual para usar o armazenamento em nuvem e pronto. Isso facilita muito o orçamento a longo prazo.

3- Segurança

Quando uma empresa usa apenas armazenamento em nuvem, não há servidores físicos funcionando dentro da operação. Portanto, a gestão de TI interna fica livre da preocupação com os riscos de perda de dados em um incêndio, com danos causados ​​pela água ou físicos, por exemplo.

Os data centers pertencentes a provedores de armazenamento na nuvem têm várias redundâncias para garantir que os dados estejam sempre seguros e acessíveis. Eles também empregam uma variedade de camadas de segurança adicionais, como criptografia, para proteger ainda mais os arquivos.

4- Economia de espaço e sincronização

Com o armazenamento na nuvem é possível liberar espaço no disco rígido do servidor local, permitindo que ele funcione de forma mais eficiente. E, quando um arquivo é alterado, ele é atualizado automaticamente em todos os dispositivos, garantindo sempre a versão mais recente.

Armazenamento local: conceito

managed-2

O armazenamento local refere-se ao armazenamento de dados em dispositivos físicos, como servidores, discos rígidos externos ou unidades de armazenamento em rede (NAS), que são mantidos dentro da empresa.

Instalados e gerenciados pelos próprios funcionários da empresa ou por fornecedores terceirizados, essa é uma opção popular para organizações que lidam com grandes volumes de dados e precisam de acesso rápido e confiável, como também aquelas sob regras rígidas de mercado e/ou de governança.

Armazenamento local: 4 vantagens

Assim como o armazenamento em nuvem, o modelo on premise também tem os seus benefícios quando uma estratégia inteligente é colocada em prática. Veja, a seguir, alguns deles.

1- Velocidade

Se configurado corretamente, o armazenamento local pode ser mais rápido que o armazenamento em nuvem. Simplesmente porque, com os serviços em nuvem, você fica limitado devido à velocidade da sua conexão com a Internet.

2- Não há necessidade de internet

Ao contrário da nuvem, para armazenamento local a conectividade de rede não é necessária. Os dados podem ser acessados ​​sempre que for preciso, sem se preocupar com velocidades de internet, problemas de conexão ou confiabilidade. Você também não precisa se preocupar com custos de download de seus próprios dados ou de upload fora do escopo contratado.

3- Controle sobre os dados

Mesmo com a estrutura física sendo externa, a empresa tem controle sobre a infraestrutura de armazenamento. Você pode definir permissões, criar árvores de arquivos e configurar cotas de dados. Todas essas funcionalidades estão disponíveis na nuvem.

4- Personalização

O armazenamento local pode ser personalizado para atender às necessidades específicas de uma empresa, incluindo o tipo de hardware de armazenamento utilizado, a configuração do software e o controle sobre a infraestrutura de rede.

Armazenamento local x armazenamento na nuvem: qual alternativa seguir?

A resposta para essa pergunta vai depender muito das necessidades da sua empresa. O armazenamento em nuvem oferece flexibilidade e colaboração que permitem que os funcionários trabalhem de qualquer lugar remotamente. O armazenamento local não garante esse acesso e mantém um controle mais conservador dos dados internamente.

Embora a compreensão dos prós e contras do armazenamento em nuvem versus armazenamento local sirva para determinar seu ponto de partida, a próxima etapa é criar um roteiro completo que planeje cuidadosamente como os dados são armazenados e acessados ​​em cada um desses tipos de armazenamento.

A escolha de armazenamento ideal para o seu negócio realmente depende da quantidade de dados que a organização processa em suas atividades diárias.

Os colaboradores costumam trabalhar em casa ou em trânsito, usando dispositivos móveis, ou estão sempre no escritório? Qual opção você prefere usar para fazer backup de seus dados? Encontrar as respostas para essas perguntas pode ajudar a avaliar qual opção de armazenamento é mais adequada ao negócio.

Conte com a Labstar e gerencie o seu armazenamento de forma profissional!